seriam nescionautas?

É patético crer que povos antigos precisaram de aliens pra suas construções. Se tu não conseguiria sem Newton, tu é um entrave evolucionário.

Por Coiote F. e Pedro B.R.

Coiote: Isso, daqui há alguns anos, vai ser uma bela ‘trollagem’ com alien conspiracy theorists.

Pedro: Interessantemente, esse é feito agora, né? Por um artista. Mas existe um original, que ninguém sabe direito quem fez, no solo do mar do japão. Eu ando lendo bastante sobre esse assunto pois to pensand num projeto de Pós doc sobre conspirações de alienígenas do passado e descobri coisas fantásticas que eles andam descobrindo, como seis cidades submersas, incluindo uma na Índia. Essa cidade na Índia é Dvaraka. Dizem as lendas que ela era a cidade de Shiva e ela foi afogada no mar pra ser limpa de seus pecados, dai os indianos modernos fizeram outra cidade com esse nome. Ai os caras descobriram a cidade lendária, debaixo do mar que costeia a cidade moderna de Dvaraka. E ela é exatamente como descrita nas lendas. Agora os caras descobriram que ela provavelmente pré data a glaciação de Wyrms, que é quando a última era do gelo acabou. Ou seja, ela é prova de que os humanos antes e durante essa era do gelo já tinham cidades e civilizações. Eu ando lendo muito sobre esse assunto porque, enquanto pros teóricos dos alienígenas do passado e de conspirações isso é uma prova de que alienígenas ajudaram e depois abandonaram essas civilizações pré-glaciarão de Wyrms, pra mim e pras pessoas sãs e racionais, isso é a prova que faltava de que a “evolução” sócio-cultural da humanidade, diferentemente da biológica, parece não ser de forma alguma linear. No mar do Japão os caras acharam uma cidade com blocos de mais de cem toneladas arranjados em forma de construções como prédios e muros. Ninguém sabe de onde vieram, como foram parar lá ou a que civilização pertenceram.

Coiote: Também acho quase evidente que a nossa evolução nesse sentido não é obrigatoriamente linear, visto que diferentes homens e sociedades – pequenas, em formação, grandes e experientes, etc. – evoluem de diferentes formas, podendo até estagnar ou perecer, dando espaço para que uma “nova evolução” aconteça em grupos sequentes. Uma civilização com amplo desenvolvimento matemático e linguístico, por exemplo, pode cair, e a seguinte iniciar sua evolução sem esse desenvolvimento, estando, na falta de melhor termo, ‘atrasados’ em relação a outra, parecendo um retrocesso. Vulgarizando, uma sociedade pode construir uma cidade perfeitamente habitável e completa e sociedades posteriores quase apanharem pra construir abrigos de chuva com barro e folhagem. “Seria impossível que eles construíssem tanto àquela época e com seu conhecimento limitado.” me soa arrogante. E limitado.

Pedro: Com certeza! A física já estava aí, não foi inventada por Newton. E é etnocêntrico pra caralho – especialmente no que se refere aos povos mesoamericanos.

Coiote: Sim, o conhecimento prático de física já nos ajuda há milhares de anos, mesmo que ninguém tenha teorizado ou sequer compreendido bem o porquê das coisas funcionarem.

Anúncios
Esse post foi publicado em mundo real, palavras sábias e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s