pegue um livro…

abra na página 50 e leia a 1ª frase do 2º paragrafo

“espalho um pouco de ar fazendo som de peido com os lábios”

e nao tem como o joguinho dar numa frase dessas
e nao soltar um sonoro
PRFFFFFT de desencanto
aí rola um lance metalinguistico que nao sei o que e acabo indo fumar, desisto da internet, desisto de ler, de fato, só espero que meu corpo inteiro se desfaça num sonoro PFFFT assim que o cigarro acabar, como se a própria Existência estivesse fazendo som de peido entre seus grandes lábios metafóricos.

Anúncios
Esse post foi publicado em a vida em anexo, literatura & lingüística e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s