Os Dez Mandamentos do Rei da Sarjeta

1. chegue a pé, ou, se puder, de bicicleta — mas emprestada, porque bici é muito caro. Xs Gatxs adoooram quem cuida do meio ambiente e sabe se virar sozinho, sem motor, sem lataria pesada.

2. Descubra quem tem uma bebida e chega pegando gole. Aproveite a boa vontade e já estenda um copo pra pessoa, que provavelmente vai enchê-lo.

3. Comece a pedir cigarros logo, porque no meio da noite ninguém tem mais. Guarde naquela carteira de free vazia que tu achou no chão. Agora você pode esbanjar: “Tem um cigarro?” “Claro! Qual tu quer? Marlboro? Lucky? Carlton?”

4. Na balada, pergunte ao segurança o que rola, se tem como descolar um desconto, diz que tu promete gastar afu lá dentro se isentar o ingresso etc. Nem sempre funciona, mas quando funciona, funciona em dobro: as pessoas vao ver que tu entrou de graça, te tirar pra vipão ou mendigo e, por um motivo ou outro, vão te dar bebidas lá dentro.

5. Trate todo mundo igual (fora, É ÓBVIO, as pessoas extremamente babacas — próximo item). Parceiro te dá oi? Tri. Desconhecido pede cigarro? Dá ou negue com a mesma cordialidade. Mendigo pediu alguma coisa (bebida, cigarro)? Dê pra ele, se puder. Ele tem o mesmo vício que tu e, mesmo que tu esteja zerado, tem menos condições do que tu.

6. Afugente os babacas. Tipão com papinho machista tenta colar em ti pra conhcer tuas migas? Ignora, corta os papos. Sei que não é só homem que é babaca, né? Chatinha também chega com papo estranho, afugenta da mesma forma.

7. Indique festas pras pessoas que querem festas, shows pra quem curte show, bar pra quem quer bar. Não precisa puxar o saco, mas fale das baladas/ambientes que conhece pra quem é novo no local e quer, com boas intenções, conhecer as cenas.

8. Não se atucane demais em aproveitar a noite ou vai deixar de fazê-lo. Quando tudo é muvuca, gritaria e “PARTY ON, WAYNE!”, aproveite pra sentar, fumar um crivo sozinho ou batendo papo com aquele(a) bróder preza.

9. Zele pela integridade física, sua e dos outros. Ofereça uma água e sugira um tempo de descanso pra quem tu viu que ta de carro e andou bebendo. Atravesse a rua com o dobro de cuidado do que faria sóbrio etc.

10. Em hipótese alguma negue um drinque ou cigarro pra mim.

Anúncios
Esse post foi publicado em a vida em anexo e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s