vento

Vento
carrega pra longe esse momento
e o próximo e o seguinte
e todos os demais
até aquele em que ela chega,
Vento

de boa aí, pô
vento. seu palhão.

Anúncios
Esse post foi publicado em literatura & lingüística, versos e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s