coiote

Tu é o palito queimado
    na caixa de fósforo
A cláusula triste no
    contrato da vida

Tu é o que demônios chamaram
    de causa perdida.

Tu é a vingança de
    tudo que era bom

és negação
    e certeza

Anúncios
Esse post foi publicado em literatura & lingüística, versos e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s