Drunk Head

“Dentre temporadas despertas e estações em completa sonolência tanto e muito aprendi, muito mais errei e, como se espera, histórias me foram contadas — quando não vividas por este que humildademente escreve a quem poderá vir a encontrar esses diários.

Minha existência durante dois ou três invernos não consisitia em muito mais que um constante experimentar de etílicos; queria sorrir e conhecer no íntimo meu palato, estômago e mente. Buscava cada sabor de cada mistura com cada qualidade de elixir alcoólico que por milênios move as engrenagens do mundo que ousamos clamar como nosso.”

Desisto de escrever esse conto porque 1) tava me cansando e não ia adiante; 2) perdi o bloco com as anotações.

Mas a idéia veio de um cara que sentou do meu lado no Dirty Old Man, olhou o Lourenço pegando gelo da caixa de gelo pra fazer drinques e disse pra mim:

—Tu podia escrever um conto sobre isso…
—Hum.
—Tem esse bartender, certo? E ele faz um drinque muito popular na cidade.
—Tá…?
—Bem, o legal do drinque é que é autoral, exclusivo do bar dele. E todo mundo adora, e ele nunca explica como é feito, embora, claro, as pessoas tenham uma idéia dos ingredientes pelo paladar. O que ninguém sabe é que, dentro daquele balde de gelo, tem a cabeça decepada de alguém, e esse é o segredo do drinque.
—Um ex-colega bartender…
—Isso.
—Ou um inimigo pessoal.
—É, é, qualquer coisa assim.
—Meio Allan Poe, isso. Gostei.

O pub se chamaria Drunk Head e o drinque, especial da casa, também.

Então, está aí, mais um conto que nunca será escrito. Bom dia!

Anúncios
Esse post foi publicado em contos & mini-roteiros e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s