profissão repórter: transgêneros

Não vi o Profissão Repórter, mas to vendo a galera trans criticando o desserviço prestado pelo mesmo e só penso isso:

alguém esperava a Globo fazendo uma matéria que AJUDASSE, e não atrapalhasse, a luta trans?!

O lance deles é, antes de mais nada, o sensacionalismo pela audiência. E precisam conseguir isso não questionando, apresentando pontos, ou mesmo tentando ajudar qualquer militância, mas sim fazê-lo dentro da agenda vigente, que é homofóbica, transfóbica e machista.

Anúncios
Esse post foi publicado em mundo real e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s