MIL IMPÉRIOS MEUS

por um abraço teu

Se aprendi a dançar tango
 bêbado e apressado, à
entrada da sala de teatro

foi porque sim)

Sim.
 Mas só me servirá se um
 dia tu pedir pra encenarmos
 Al Pacino e a figurante
  ao som de Gardel;

Se permiti-me (e permiti-los)
ser descoberto (me penetrarem)
foi pra sentir-me?

Sim.

Mas agora estou pronto a
entregar-me de quatro a
ti caso precises testar
um strap-on.

E até meu primeiro
livro foi publicado
porque eu-decidi-assim
 no entanto, depois de mim,
da minha vontade, e da minha
arte, tu estava lá;

“Só quero ver o sorriso
da Carol quando ver ele pronto!”

   (e quando finalmente
   admiti estar nervoso, foi
   pra ti, e tu disse
   pra eu desatucanar que
   tava todo mundo ansioso
   e afim; OBRIGADO,
   OBRIGADO, OBRIGADO)

[INTERMISSION]

PS: if you could be * ANYTHING * or * ANYONE *, what/who would that be?

-The training bag for Mics’ FIST FUCK workout.

[/INTERMISSION]

PS: nem mil hectares de coca me trarão tanta inspiração quanto um segundo a teu lado.

com amor, muito carinho,

C.

Anúncios
Esse post foi publicado em a vida em anexo, versos e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s