sem choro, o que seria?

e o que seria da gente
se não pudesse chorar
pingar partes dessa dor
que é dentro e é pra sempre?

um gemido abafado
por um choro sem aviso
que ao verter nos corta o ar
e já nem dói mal respirar

porque o que dói, doeu demais
espremeu-se em água e sais
que saem sem fazer menção
do que lhes fez jorrar de onde
dor tamanha a caber em si não mais.

Anúncios
Esse post foi publicado em versos e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s