Top of the Lake: China Girl

Impossível não entrar completamente no mundo dessa série. Além da relevância dos temas abordados, é a profundidade com que os abordam, sem forçar nada, mas mostrando personagens tão reais quanto forte vivendo-os e transformando-os. E é difícil imaginar, depois daquela primeira temporada, o que poderia vir depois. E que bom que é difícil, porque na segunda tu é mais uma vez pego de surpresa por uma gama de personagens incríveis, todos, desde o inevitável mascu com quem é preciso conviver por motivos de trabalho até pai e mãe de uma personagem que mal começou a ser apresentada, com personalidades e comportamentos perfeitamente detalhados mas apresentados sem exageros ou necessidade de qualquer alvoroço climático.

Não dá pra não amar Elisabeth Moss, mas a verdade é que tudo e todos nessa série são, com o perdão do palavreado, putamerdalmente fodásticos demais.

cartaz da segunda temporada da série "top of the lake"

Anúncios
Esse post foi publicado em cinema & teatro e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s