Arquivo da tag: amizade

essa amizade louca e sincera

por amizades loucas construídas passo a passo a passos tortos pela madrugada rumo a nada juntando sem juízo risos amores laços gente, bichos; nosso tudo! à amizade amada brindo de negroni à mão; (mão aos céus) sim, quero sincero, que … Continuar lendo

Publicado em música, versos | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

pr’amiga que vi online

“Danu” eu queria dizer que sonhei contigo essa noite, pra tentar lembrar do sonho, pra dizer que tu estava lá, pra que enfim, algo se criasse em cima da não lembrança. ou então comunicar o acaso de ter encontrado alguém … Continuar lendo

Publicado em versos | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

sem choro, o que seria?

e o que seria da gente se não pudesse chorar pingar partes dessa dor que é dentro e é pra sempre? um gemido abafado por um choro sem aviso que ao verter nos corta o ar e já nem dói … Continuar lendo

Publicado em versos | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

mais uma

Só mais um maço de Pielroja e outro de L&M, por favor. Depois me mandem para à frente do batalhão, bradem seus punhais ou tragam a cruz que considerarem de tamanho justo. Talharei eu mesmo meu crime na madeira, afiarei … Continuar lendo

Publicado em versos | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

voltar a escrever

ainda escrevo pensando em ti. falei a algumas pessoas: eu estava numa fase de não sair nada da cabeça-caneta-papel. repetia ritos (lugares, costumes, hábitos) que outrora me faziam escrever, e nada. aí escrevi pra ti. sobre ti. e depois comecei … Continuar lendo

Publicado em a vida em anexo | Marcado com , | Deixe um comentário

segunda-feira chuvosa

A chuva regando olhos, pele, cabelo boca, roupas e idéias e, em algum ali dentro, esperança. Os passos jogando água pros lados e os lábios num quase sorriso de quem já espera sorrir E num movimento e olhar a descoberta … Continuar lendo

Publicado em versos | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

dos diários da clínica: lembranças de um rolê

Por mais lembranças positivas que tenha tido recentemente, foram os momentos que tive ao lado de T., pouco depois de nos despedirmos da companhia da sempre adorável F. “Positiva”, é claro, está longe de dizer, com precisão, o que senti. … Continuar lendo

Publicado em a vida em anexo | Marcado com , , , | Deixe um comentário